divider

Herman Miller Ltd - Lei da escravidão moderna 2015 - Declaração - 2015-2016

Lei da escravidão moderna
A escravidão moderna é um crime resultado do abuso abominável dos direitos humanos. Ela é definida na Lei da escravidão moderna de 2015 pelos crimes de "escravidão, servidão e trabalho forçado ou obrigatório" e "tráfico de seres humanos".

A cláusula sobre Transparência das Cadeias de Fornecimento na Lei da escravidão moderna procura abordar o papel das empresas na prevenção da escravidão moderna em suas cadeias de fornecimento e organizações.

Toda organização que exerce uma atividade no Reino Unido com um volume de negócios total anual de £ 36 milhões ou mais deverá apresentar uma declaração de não escravidão e tráfico humano para cada ano financeiro da organização.

Obrigações da Herman Miller sob a Lei da escravidão moderna
A Herman Miller é designer e fabricante de móveis para escritório, a parte internacional do negócio é operada pela Herman Miller Ltd, subsidiária da Herman Miller Inc.

Nossa cadeia de fornecimento inclui uma série e empresas internacionalmente independentes que fornecem matéria prima, componentes, produtos completos e outros itens necessários para os negócios da Herman Miller.

Política existente sobre escravidão e tráfico humano
A Herman Miller acredita que a conduta é importante. É importante fazer a coisa certa. Viver com integridade e seguir um código claro e ético gera bons negócios, um excelente ambiente de trabalho e um investimento confiável. Essa conduta transcende todas as áreas do negócio, inclusive como lidamos uns com os outros internamente, e como lidamos com clientes, fornecedores, parceiros e governos.

A Herman Miller Ltd segue as diretrizes estabelecidas por sua empresa controladora que confirma que a Herman Miller, Inc., e suas subsidiárias estão comprometidas com a realização dos seus negócios de forma ética, legal, ambientalmente sustentável e socialmente responsável.

Os fornecedores da Herman Miller estão sujeitos ao Código de Conduta para Fornecedores, estabelecido para garantir que compartilhem os mesmos princípios éticos que a Herman Miller.

O Código de Conduta para Fornecedores, junto com a relação contratual, forma as condições de sua associação conosco. Um exemplo de um dos critérios do código: garantir emprego livremente escolhido, sem trabalho infantil e garantir que salários mínimos sejam pagos.

O Código de Conduta para Fornecedores completo está disponível no site www.hermanmiller.com/supplier-code-of-conduct.

Fornecedores - Status atual
No ano financeiro atual, foi feita uma auditoria da nossa cadeia de fornecimento com ênfase nos territórios com risco potencialmente alto de violações da Lei da escravidão moderna e nenhuma evidência de violação foi encontrada.

As empresas auditadas também confirmaram que compreenderam nossa política a respeito de Escravidão e Tráfico humano e confirmaram que não estão envolvidas em nenhuma dessas práticas.

Algumas outras políticas relevantes que proíbem a escravidão moderna e o tráfico humano incluem:

1. Procedimentos de RH para funcionários
2. Recrutamento, seleção e política de contratação
3. Política sobre conduta pessoal

Além do trabalho concluído acima, a Herman Miller também tem em andamento questionários para fornecedores que solicitam mais informações da nossa cadeia de fornecimento, para garantir que eles sejam capazes de investigar e prevenir qualquer situação de escravidão moderna e tráfego humano em seus negócios.

Trabalho e desenvolvimento contínuos
Continuamos a pesquisar áreas de risco globais para que possamos aumentar a auditoria de nossa cadeia de fornecimento e garantir total conformidade com a política da empresa.

O departamento jurídico e de conformidade tem a responsabilidade de criar e desenvolver um treinamento a ser disponibilizado a todos os funcionários globalmente. Estamos investigando a capacidade de disponibilizar a realização do treinamento pelos nossos fornecedores.

Esse treinamento servirá para aumentar a conscientização sobre a Escravidão moderna em toda a empresa, internacionalmente. Isso servirá para garantir que nossa equipe em todas as áreas esteja ciente do que observar e para que tenha meios de relatar comportamento que demonstre potencial de violação das regras sobre Escravidão moderna para gerentes ou para o departamento jurídico e de conformidade da empresa.

Assinado

Andy Lock

Andy Lock
Presidente – Herman Miller Ltd

divider